Vídeos Mais

Racismo na praia da Barra

You need to have the Flash Player installed and a browser with JavaScript support.

Obrigado! Mostre este vídeo para quem deseja!

URL

Você não curtiu. Obrigado pela sua opinião!

Sorry, only registred users can create playlists.
URL


Adicionado há na categoria Vídeos Incríveis
133,521 Visualizado

Sobre o vídeo Racismo na praia da Barra

Eu até agora não acredito no preconceito que esta mulher teve ao gritar deste jeito no vídeo agredindo com palavras feias para toda praia ouvir!

"Eu cheguei na praia e ela começou falando pra família dela, não sei porque preto pega Sol. Que preto era sub-raça. Até que o marido dela disse que eu estava gravando e ela começou a gritar pra praia toda ouvir", comentou a vítima desta infelicidade.

"Aconteceu ontem, com uma conhecida minha na praia da Barra da Tijuca", comentou a amiga da pessoa que sofreu este tipo de preconceito em local público, em plena praia do Rio de Janeiro como mostra as imagens.

"Desculpa, você é mulata, nasça branca da próxima vez", resmungou esta pessoa que gritou no vídeo.

Ela foi ontem mesmo dar queixa na policia e pediu para quem puder e sentir no coração, divulgar as imagens desta pessoa no vídeo para que sirva de exemplo e evite que constrangimentos deste modo aconteçam no futuro.

É típico da pessoa pobre de espírito, de alma e que devemos chegar juntos para acabar com este tipo de palavra, discriminação pois todo ser humano merece respeito independente da cor e de onde estiver frequentando.

O que era pra ser uma agradável visita à praia terminou em confusão e agressão verbal na Barra da Tijuca, região nobre do Rio de Janeiro. Registrado em vídeo, o caso vem sendo muito comentado nas redes sociais.

A agente de viagens Sulamita Mermier foi vítima de comentários racistas de uma mulher que estava a poucos metros dela na Praia da Reserva, na Barra da Tijuca, região nobre do Rio.

Ofendida, ela sacou o celular e registrou em vídeo o comportamento da mulher, que se exaltou ao perceber que estava sendo gravada. "Não tenho culpa de você se sentir agredida por ser mulata, amor. Você é uma complexada. Nasça branca! Você nasceu mulata. Fazer o quê?". Em outro momento, a mulher prossegue com as ofensas: "você é complexada por ter cabelo duro!"

A imagem foi publicado por um colega de Sulamita na internet, e já contabiliza milhões de visualizações.

RSS